segunda-feira, 5 de novembro de 2012

Capitulo 16 - Chantagem

Joe “ON”

Estava sentado em uma mesa vazia no refeitório esperando o término do intervalo, quando vi Camila se aproximando de mim. Será que ela não percebeu que quero ficar sozinho?
_Oi meu amor._ Disse enquanto sentava ao meu lado e me abraçava.
_Camila, eu não sou seu amor ok?_ Falei seco me soltando de seu abraço.
_Calma Joe! Agora você já não precisa mais fingir que gosta da Demetria,  já sei que você cumpriu com a aposta e que agora está livre dela._ Ela sorria enquanto falava.

_Eu ainda não cumpri com a aposta!._ Menti.
_Não precisa ficar com vergonha Joe. Sei que cumpriu sim, e que até pode não ter usado camisinha._Riu._ Que falta de responsabilidade hem!_ Agora ela gargalhava.
_Quem te contou isso?_Perguntei irritado.
_Ninguém! Hoje estava chegando à escola e vi Demetria conversando com uma senhora._Me abraçou novamente falando mais perto do meu ouvido._ Me escondi atrás de um carro e pude ouvir que ela perguntava para a tal senhora quais eram as chances de se engravidar na primeira vez que fazemos “Amor”._Deu ênfase na palavra Amor. Que droga! Esqueci de usar camisinha com Demi.
_Como tem tanta certeza de que ela realmente transou com alguém, e que esse alguém sou eu?_Perguntei tentando intimidá-la.
_Pare com joguinhos Joseph! Quem iria querer fazer sexo com Demi? E para que ela iria perguntar isso se não estivesse preocupada?_ Soltou-me e me encarou._ A mim você não engana!
_Se engano ou não isso já não sei, mas posso ter certeza que você irá ficar com essa duvida pelo resto de sua vida. Eu não irei cumprir com a aposta._Falei vitorioso, mas pude ver o ódio em seus olhos.
_Por que não quer contar para o pessoal que cumpriu a aposta?_ Agora ela estava confusa.
_Camila, pode me deixar em paz?_Ela já estava me irritando.
_Hum...está apaixonado pela Demetria, Joseph? É isso mesmo?_ Nessa hora eu paralisei. Por que ela tinha que ser tão inteligente?
_Não._ Respondi de imediato.
_Sabe que sua popularidade pode acabar se alguém souber que se apaixonou pela nerd, não é mesmo?_ Eu sabia muito bem disso, e era isso que estava tentando decidir quando essa praga chegou para me perturbar.
_Ja falei para me deixar em paz..._Disse tentando manter a calma.
_Faremos um trato Joseph._Riu novamente.
_Não quero fazer nenhum trato com você._Argh ela era surda?
_Nós voltamos a namorar... Podemos falar para todos que você não cumpriu a aposta, evitando assim que magoe Demi, já que provavelmente é isso que esta tentando fazer._Ela chegou mais perto de mim._ Depois disso posso te livrar das conseqüências._Agora seu rosto já estava próximo ao meu._E ai, topa?_ Pude sentir seus lábios encostando-se aos meus.
_Me largue garota!_Disse nervoso e a empurrando. Ela tinha toda razão, mas eu não poderia namorá-la, pois se fizesse isso minhas chances com Demi estariam aniquiladas. Levantei-me caminhando em direção a quadra de basquete, mas pude ouvir um “Você me paga!” de Camilla. Ótimo, sendo ameaçado por minha ex-namorada.

Nick “ON”

Estava ansioso para a conversa com Selena. Será que ela iria me perdoar? Estava na quadra de basquete treinando alguns arremessos quando vi Joe chegar com uma cara nada boa.
_E ai Joe, ta tudo bem?_Perguntei preocupado.
_Está tudo péssimo Nicolas!_Respondeu nervoso.
_Quer conversar?_Eu sabia que era disso que ele precisava.
_Não._ Disse seco.
_Vamos lá cara, sabe que em mim pode confiar. Somos como irmãos!_Insisti.
_Tudo bem._Disse derrotado._ Nick eu...eu...eu fiz amor com Demi nesse fim de semana.
_Você o que?_Falei assustado.
_É isso que você escutou._Agora ele estava sentado na arquibancada de cabeça baixa.
_Bom Joe, então isso quer dizer que você cumpriu com a aposta. Já contou para o pessoal?
_De certo modo cumpri, mas não fiz isso pela aposta. Eu me apaixonei._ Sua expressão era de angustia.
_Se apaixonou pela Demi?_ Ele assentiu positivamente._ Bom cara, não sei o que te dizer, mas você sabe que agora tem apenas duas opções, não é?
_Esse é o problema! Eu não vou contar que cumpri com a aposta e irei pagar com o castigo, mas Camilla descobriu tudo e agora esta querendo me chantagear.
_Como assim descobriu tudo?_Perguntei confuso.
_Eu não usei camisinha com Demi._Ele baixou novamente a cabeça em ato de desespero._ Hoje cedo Camilla ouviu Demi perguntando a Carmem quais seriam as probabilidades de ter engravidado.
_Você é Louco Joe? Vocês são dois adolescentes!_Falei preocupado.
_Eu sei, mas foi tudo tão intenso que na hora me esqueci do mundo, quem diria da camisinha!_Seu desespero só aumentava.
_Calma cara._Tentei consolá-lo._ Dificilmente uma garota engravida na primeira vez, e não se preocupe com Camilla, pois era não pode fazer nada._Estendi minha mão e ele a segurou pegando impulso para levantar._ Vai pra casa pensar um pouco e depois tenta conversar com Demi. Vai dar tudo certo._ Disse dando-lhe um abraço.
_Obrigado Nick. Não sei o que faria sem meu irmão._Falou retribuindo o abraço e indo embora logo em seguida. Ele tinha feito uma bela burrada, mas era inteligente para lidar com a situação. Nossos professores de Ciências Humanas já nos explicaram que as probabilidades de uma garota engravidar na primeira vez não são tão baixas, mas tudo depende do período fértil da garota. Acredito que Demi sabia o que estava fazendo. Fui para o refeitório aproveitar os últimos minutos para comer algo.
_Nick?_Ouvi uma voz familiar me chamar. Abri um enorme sorriso e me virei.
_Oi Sel._Cumprimentei.
_Er...será que poderíamos ir para o parque agora? Não estou a fim de enfrentar os dois últimos períodos._Falou olhando o chão.
_Me induzindo a matar aula senhorita Gomez?_Falei brincando com a situação.
_Aaah para Nick._ Disse me dando um tapa no ombro.
_Ta, mas vamos logo antes que fechem os portões e não nos deixem sair._Falei a puxando pela mão. Saímos da escola escondidos da diretora para não sermos suspensos. Peguei meu carro e fomos para o Central Park que era um pouco distante da escola, o que nos livrara de alguém nos ver. Chegando lá sentamos debaixo de uma arvore em total silêncio.
_E então..._Disse já angustiado com o silêncio que reinava entre nós deste que saímos da escola.
_Nick é que..._Ela parecia chateada.
_Sel, eu sei que deve estar muito brava comigo por que vou ser pai, mas como eu te falei... Isso foi antes de te conhecer. Eu te amo._ Falei cabisbaixo.
_Eu sei Nick...por isso te chamei aqui._Disse levantando minha cabeça._ Tirei esses dias para pensar, e cheguei a conclusão de que não posso te julgar por seu passado. Confesso que estou morrendo de ciúmes de ver você toda hora com a Taylor, mas é de seu filho que esta cuidando._Sorriu._ Me desculpe por ser uma idiota.
_Minha linda, não precisa ter ciúmes da Taylor. Ela esta morando em casa temporariamente até achar um novo lugar para ficar. Querendo ou não eu sou culpado por ela ter sido expulsa de casa e ela também carrega um filho meu. Não posso deixá-la na mão._Expliquei.
_Eu sei, mas é tão difícil ver outra pessoa tendo um filho seu...
_Eu queria que você fosse a mãe do meu primeiro filho, mas por causa de uma burrada isso não vai acontecer. Espero que você aceite ser mãe dos outros filhos que pretendo ter futuramente._Cheguei mais perto dela acariciando seu rosto._ Volta a ser minha namorada?_ Perguntei vendo seus olhos encherem de lágrimas.
_Queria ter forças para dizer que não, mas eu te amo e isso seria uma completa idiotice._Sorriu._ Sim, eu aceito ser sua namorada novamente._ Aproximei mais nossos rostos e a beijei.
_Obrigada por me entender..._Agradeci a abraçando forte.
_Hey, estarei sempre aqui quando precisar._Disse em meu ouvido. A beijei novamente, mas agora um beijo mais calmo do que o anterior, mais apaixonado. Depois dessa nossa conversa, decidimos ficar ali namorando e admirando a linda vista do lago a nossa frente. Agora estava tudo bem, é isso que esperamos...

Demi “ON”

Eu estava muito preocupada com a possibilidade de estar grávida de Joe. Como pude ser tão imprudente? O que faria se essa possibilidade se concretizasse? Sou muito nova para ser mãe, isso acabaria com meus objetivos. O pior é que só me dei conta desse erro depois das 72 horas que tinha para tomar a tal pílula do dia seguinte. Como você é burra Demetria! Passei todos os períodos imersa em meus pensamentos sem prestar a mínima atenção na aula. Dei graças a Deus quando o ultimo sinal tocou, nos avisando da hora de ir embora. Estava saindo quando senti uma mão em meu ombro me parando. Virei de imediato e vi que era Camilla.
_Podemos conversar Demetria?_ Disse em um tom que me deu medo. Coisa boa não seria!


Continua...

2 comentários:

  1. OOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO MEU DEUS ESTA EM UM SUSPENSE ENORMEEEEE , POSTA LOGO POR FAVOR ....

    TO AQUI CURIOSA VIU U-U

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pronto, agora pode matar a sua curiosidade. KKK

      Excluir